Exposição “Onde está São Carlos na USP?”

GEISA

A Biblioteca da Prefeitura do Campus USP de São Carlos, através do Projeto IntegrArt, apresenta a exposição “Onde está São Carlos na USP?”, que traz a proposta de conhecer um pouco atuações dos estudantes na esfera da extensão universitária.

A mostra conta com fotografias, mapas e experiências sensoriais que trarão reflexões sobre um dos pilares da universidade, a extensão. A exposição permanecerá na biblioteca no período de 11 de maio de 2017 a 16 de junho de 2017.

O objetivo é apresentar as atividades realizadas pelo Grupo de Estudos e Intervenções Socioambientais – GEISA, um grupo que surgiu em 2009 com alunos do curso de Engenharia Ambiental da Escola de Engenharia de São Carlos – EESC da Universidade de São Paulo – USP e que hoje em dia abrange também estudantes dos cursos de arquitetura, química, engenharia elétrica e engenharia da computação.

O intuito do grupo é expandir o significado de extensão universitária, de modo a levar para além dos muros da USP as temáticas discutidas e implementadas nos projetos. Por essa razão, além da execução das atividades, o grupo busca se alinhar nas abordagens trabalhadas, que se referem principalmente a temas relativos à agroecologia, educação popular, bioconstrução, saneamento alternativo e gestão de resíduos sólidos, tratando-os tanto do ponto de vista ambiental, quanto sócio-econômico.

A proposta não é de ter uma resposta ou uma receita para se fazer extensão, mas sim mostrar que ela pode ser feita de várias métodos e deve principalmente integrar a comunidade de maneira participativa e horizontal. Dessa forma, surgiu a demanda do grupo, que se refere a abordagem de problemáticas que não são tratadas formalmente no curso. Assim, criou-se um grupo plural, que dialoga com as necessidades da universidade e da comunidade, o que dá o nome a essa exposição: “Onde está São Carlos na USP?”, isto é, retoma a necessidade da contribuição da sociedade na comunidade universitária.

A exposição foi organizada com a mesma lógica do próprio grupo, isto é, dividindo as temáticas e questionamentos com base nos projetos executados, mas sem perder a unidade por trás deles.

A primeira temática a ser trabalhada pelo grupo foi na área da educação ambiental e que, com o passar dos tempos, foi se desenvolvendo e se estabilizando a partir de 2013 com aulas semanais na E.E Bento da Silva César, através dos princípios da educação popular. Além disso, é importante salientar o projeto da Agrofloresta, que surgiu a partir da resistência às técnicas convencionais de plantio, de modo a enraizar os pilares da agroecologia no quintal da Engenharia Ambiental. Os estudantes, a partir de 2009, fizeram o manejo de uma Agrofloresta, que desde 2015 se encontra em vias de entrar em equilíbrio com o ambiente.

A temática de resíduos sólidos veio com a inserção da compostagem em 2013 para a gestão dos resíduos orgânicos do restaurante universitário e utiliza-se basicamente dos resíduos orgânicos do restaurante e matéria seca (grama cortada) proveniente da capinagem do próprio campus.

Outra vertente do GEISA é o projeto da Bioconstrução, criado em 2016, que se trata da construção do Barracão na Àrea 2 do Campus USP de São Carlos (Campus II) como uma resistência à lógica de consumo de matérias-primas frequentemente empregada na construção civil, com uma técnica economicamente viável, ecologicamente correta e socialmente justa.

Outro projeto realizado pelo grupo, impulsionado pelas discussões em torno da temática da Reforma Agrária, foi o trabalho no Assentamento Nova São Carlos, que visa implementar tecnologias socio-ambientais nesse local. Dentre os empreendimentos já realizados, destacam-se a construção de um banheiro seco (2015) e de uma fossa séptica (2016).

Por fim, somado a estes, também há o projeto em parceria com a ONG Veredas, que trabalha com a avaliação do Plano Diretor de São Carlos, que atua na bacia hidrográfica Santa Maria do Leme.

Nesse sentido, a exposição proporcionada pelo GEISA na Biblioteca da Prefeitura do Campus USP de São Carlos visa expor de maneira dinâmica as atividades realizadas, e introduzir outros alunos do campus às temáticas de extensão abordadas.

Local: Biblioteca da Prefeitura do Campus USP de São Carlos – Área 2.

Horário de visitação: das 8h00 às 18h00

Assista o vídeo Exposição – GEISA 2017 !

Deixe seu comentário